Casa Brise

O brise de alumínio madeirado da fachada dá nome ao projeto.

A piscina é o coração, cartão de boas-vindas e convite para o convívio nesta casa com planta em formato “U”. O olhar perpassa o hall de entrada pelo pano de vidro de pé-direito duplo e conduz para o frescor que a água proporciona.

Integrado e reservado caminham juntos. A distribuição entre os pavimentos nasce também neste conceito. A ideia de sobrado no pavimento térreo favorece o convívio e, no pavimento superior, a área privativa dos moradores.

No térreo, sala de estar, sala de jantar, gourmet e piscina, através de grandes folhas de vidro abertas, se tornam o mesmo espaço. Por outro lado, os acessos à cozinha são camuflados através de porta painel de marcenaria também em diálogo direto com o gourmet e sala de jantar. Base neutra nos móveis, o aconchego é por conta da madeira que traz sua presença tanto no forro de madeira natural quanto nos painéis.

A parede com revestimento cimentício é outro elemento característico desde as empenas da fachada lateral, que adentram a casa (como na parede da sala que esconde a escada) até a escada,  projetada com destaque ao acesso privativo e iluminação embutida em todos os degraus, uma solução proposta pela arquiteta.

No piso superior mais três suítes complementam esta residência junto com a sala de tv.

Local

Bauru, SP

Ano

2020

Área

382.16 m²

Arquitetura

Artemis Fontana Arquitetura

Detalhamentos

Artemis Fontana Arquitetura

Interiores

Artemis Fontana Arquitetura

Equipe

Artemis Fontana, Laiza Carrilho e Thais Dua

Fotos

Daniel Santo

Tags

casas, arquitetura, residencial, projeto

Compartilhe

Local

Bauru, SP

Ano

2020

Área

382.16 m²

Arquitetura

Artemis Fontana Arquitetura

Detalhamentos

Artemis Fontana Arquitetura

Interiores

Artemis Fontana Arquitetura

Equipe

Artemis Fontana, Laiza Carrilho e Thais Dua

Fotos

Daniel Santo

Tags

casas, arquitetura, residencial, projeto

Compartilhe

Casa Brise

O brise de alumínio madeirado da fachada dá nome ao projeto.

A piscina é o coração, cartão de boas-vindas e convite para o convívio nesta casa com planta em formato “U”. O olhar perpassa o hall de entrada pelo pano de vidro de pé-direito duplo e conduz para o frescor que a água proporciona.

Integrado e reservado caminham juntos. A distribuição entre os pavimentos nasce também neste conceito. A ideia de sobrado no pavimento térreo favorece o convívio e, no pavimento superior, a área privativa dos moradores.

No térreo, sala de estar, sala de jantar, gourmet e piscina, através de grandes folhas de vidro abertas, se tornam o mesmo espaço. Por outro lado, os acessos à cozinha são camuflados através de porta painel de marcenaria também em diálogo direto com o gourmet e sala de jantar. Base neutra nos móveis, o aconchego é por conta da madeira que traz sua presença tanto no forro de madeira natural quanto nos painéis.

A parede com revestimento cimentício é outro elemento característico desde as empenas da fachada lateral, que adentram a casa (como na parede da sala que esconde a escada) até a escada,  projetada com destaque ao acesso privativo e iluminação embutida em todos os degraus, uma solução proposta pela arquiteta.

No piso superior mais três suítes complementam esta residência junto com a sala de tv.

Local

Bauru, SP

Área

382.16

Ano

2020

Fotos

Daniel Santo

Arquitetura

Artemis Fontana Arquitetura

Interiores

Artemis Fontana Arquitetura

Equipe

Artemis Fontana, Laiza Carrilho e Thais Dua

Compartilhe

Compartilhe

Local

Bauru, SP

Ano

2020

Área

382.16 m²

Arquitetura

Artemis Fontana Arquitetura

Detalhamentos

Artemis Fontana Arquitetura

Interiores

Artemis Fontana Arquitetura

Equipe

Artemis Fontana, Laiza Carrilho e Thais Dua

Fotos

Daniel Santo

Tags

casas, arquitetura, residencial, projeto

Compartilhe